quarta-feira, 6 de agosto de 2014

Vírus Ebola no Maranhão: "nigeriano contaminado chegou ao estado e morreu", diz hoax que se espalha pelas redes sociais

"Um nigeriano contaminado com vírus Ebola chegou ao Maranhão", é o que diz o texto de uma mensagem que começou a circular na internet a partir de terça-feira (05 de agosto). A mensagem diz ainda que a pessoa foi internada no Hospital Universitário (HU-UFMA) em São Luis, mas morreu por causa da doença. Tal informação deixou muita gente preocupada, mas até que ponto essa mensagem é verdade ou mentira?

Compartilhe no Facebook


A mensagem, que pode ser lida na íntegra na imagem abaixo, está sendo disseminada pelas redes sociais, principalmente pelo WhatsApp, aplicativo de mensagens instantâneas para celular.


O texto da mensagem fala ainda que as autoridades estão mantendo segredo sobre o caso e diz que mais pessoas estão contaminadas. No entanto, tal mensagem é apenas mais um "hoax", ou seja, mensagens com informações falsas que se espalham pela internet com o objetivo de fazer com que as pessoas acreditem e ajudem a espalhar a mentira. O apelo dessas mensagens é que, embora sejam falsas, usam fatos reais que estão em destaque e acontecendo em algum lugar do mundo.

O Hospital Universitário da Universidade Federal do Maranhão (HU-UFMA) informou, por meio de nota, "que não existe nenhum caso de paciente internado na Instituição com o vírus Ebola. Esclarece ainda que a informação divulgada pelas redes sociais é de extrema maldade, com intuito de causar pânico na população". O secretário de estado da saúde do Maranhão, Ricardo Murad, também informou que não há nenhum registro do vírus Ebola no Maranhão.

Na imagem ao lado, leia a mensagem falsa na íntegra.

Portanto, até a presente data, não existe nenhuma confirmação de pessoas contaminadas com o vírus Ebola no estado do Maranhão e nem em nenhum outro lugar do Brasil. Se você foi mais um dos internautas incautos que acreditou e ajudou a espalhar essa mentira, compartilhe esta notícia para esclarecer os fatos e restaurar sua credibilidade diante de seus contatos.

Leia também:
Vírus Ebola e a eminência de uma provável epidemia mundial em 2014


COMENTE ESTA NOTÍCIA COM SEU PERFIL DO FACEBOOK OU SE PREFERIR, MAIS ABAIXO COM SEU PERFIL DO GOOGLE/BLOGGER - REGRAS: Não é permitido comentário sem identificação. Comentários feitos com conta Fake ou conta do Google do tipo Unknow (Desconhecido) não serão publicados. Todos os comentários são moderados previamente, por isso, não repita o mesmo comentário, pois ele só vai aparecer aqui após aprovação. Comentários com acusações e/ou palavras de baixo calão também serão imediatamente deletados e, se for o caso, o perfil pode até ser banido e não mais permitido que publique nenhum comentário. Também não é permitido comentário com nenhum tipo de publicidade.

0 comentários: