quinta-feira, 16 de agosto de 2018

Edital do concurso 2018 da Prefeitura de Nova Colinas - MA

A Prefeitura de Nova Colinas - MA publicou o edital 01/2018 do concurso público com a oferta de vagas imediatas e formação de cadastro reserva em cargos que exigem formação de nível fundamental, médio, técnico e superior. A Fundação Sousândrade (FSADU) é a banca organizadora do concurso.



As inscrições podem ser feitas a partir das 10hs do dia 22 de agosto até às 18h de 11 de setembro de 2018. A taxa de inscrição é de R$ 55,00 para nível fundamental, R$ 65,00 para nível médio ou técnico e R$ 80,00 para nível superior.

A prova objetiva está prevista para ser realizada no dia 30 de setembro de 2018. Haverá também para alguns cargos Avaliação de Títulos e Prova Prática, conforme cronograma e normas disponíveis no edital.

ONDE ESTÁ LOCALIZADA A CIDADE DE NOVA COLINAS - MA

A cidade de Nova Colinas está localizada na mesorregião Sul Maranhense, vizinha às cidades de Riachão, Balsas e Feira Nova do Maranhão. Uma das formas de acesso é chegando até Balsas, ou uma das outras cidades vizinhas, e de lá partindo para Nova Colinas.


LISTA DE CARGOS, NÚMERO DE VAGAS E VALORES DE SALÁRIOS

Nível Fundamental

• Auxiliar de Serviços Operacionais Diversos (05 vagas); Vigia (04 vagas) - Salário: R$ 954,00; Jornada: 40hs/semana.
• Motorista com CNH categoria D/E (05 vagas) - Salário: R$ 1.280,00; Jornada: 40hs/semana.
• Operador de Máquina Pesada - Patrol com CNH categoria C (01 vaga) - Salário: R$ 2.100,00; Jornada: 40hs/semana.
• Operador de Máquina Pesada - Retroescavadeira com CNH categoria C (01 vaga) - Salário: R$ 1.350,00; Jornada: 40hs/semana.
• Operador de Trator de Pneu com CNH categoria C (02 vagas) - Salário: R$ 1.150,00; Jornada: 40hs/semana.

Nível Técnico

• Técnico em Análises Clínicas (01) - Salário: R$ 1.117,00; Jornada: 40hs/semana.
• Técnico em Enfermagem (04) - Salário: R$ 1.000,00; Jornada: 40hs/semana.
• Técnico em Radiologia (01) - Salário: R$ 1.117,00; Jornada: 20hs/semana.

Nível Médio em Magistério ou Normal Superior ou Pedagogia

• Professor do Ensino Fundamental 1º ao 5º ano (01 vaga) - Salário: R$ 1.149,40; Jornada: 20hs/semana.

Materiais de estudo para este concurso:
Língua Portuguesa
Informática básica
Pedagogia/Educação para PROFESSOR de qualquer área
Matemática, Português, Informática básica

Nível Superior

• Assistente Social (01) - Salário: R$ 2.331,37; Jornada: 30hs/semana.
• Enfermeiro Padrão (01); Enfermeiro PSF (01) - Salário: R$ 2.400,00; Jornada: 40hs/semana.
• Engenheiro Civil (01) - Salário: R$ 3.000,00; Jornada: 40hs/semana.
• Farmacêutico-Bioquímico (01 vaga); Fisioterapeuta (01 vaga) - Salário: R$ 1.200,00; Jornada: 20hs/semana.
• Fonoaudiólogo (01) - Salário: R$ 1.350,00; Jornada: 20hs/semana.
• Médico PSF (02) - Salário: R$ 3.500,00; Jornada: 20hs/semana.
• Médico Veterinário (01) - Salário: R$ 2.000,00; Jornada: 40hs/semana.
• Nutricionista (01 vaga) - Salário: R$ 2.400,40; Jornada: 40hs/semana.
• Nutricionista (01 vaga) - Salário: R$ 1.200,00; Jornada: 20hs/semana.
• Psicólogo (01) - Salário: R$ 1.350,00; Jornada: 20hs/semana.
• Químico (01) - Salário: R$ 1.600,00; Jornada: 20hs/semana.
• Professor de Educação Física (02 vagas) - Salário: R$ 1.149,40; Jornada: 20hs/semana.

✔INSCRIÇÕES on line - Aguarde...

EDITAL do concurso 2018 da Prefeitura de Nova Colinas - MA PDF

terça-feira, 14 de agosto de 2018

Bolsas de até 30% em cursos de graduação na UNIP de Bacabal em 2018.2 através do Quero Bolsa

A UNIP - Universidade Paulista, Polo de Bacabal - MA está ofertando bolsas com até 30% de desconto nas mensalidades de cursos de graduação. A faculdade oferece as melhores bolsas de estudo do semestre. As matrículas são válidas para o segundo semestre de 2018, matricule-se antecipadamente para aproveitar o super desconto.



A UNIP (Universidade Paulista) é uma instituição de ensino superior fundada em 1988, que faz parte do Grupo Objetivo, conglomerado brasileiro de empresas que atuam nas áreas de educação e mídia.

Confira alguns cursos da UNIP de Bacabal que estão com até 30% de desconto

Os preços informados abaixo são das mensalidades já com desconto, válidos até preencher a quantidade de bolsas disponíveis (variável de acordo com cada curso). O percentual de desconto é válido em todas as mensalidades durante todo o curso.

Clique no curso desejado para ver os detalhes:
Administração: R$ 195,31
Ciências Contábeis: R$ 181,30
Pedagogia: R$ 188,30
Serviço Social: R$ 188,30
Ciências Econômicas: R$ 174,30
Filosofia: R$ 167,30
História: R$ 174,30
Letras - Português e Espanhol: R$ 181,30
Letras - Português e Inglês: R$ 181,30

Matemática: R$ 153,30
Análise e Desenvolvimento de Sistemas: R$ 160,30
Design de Interiores: R$ 209,30
Gastronomia: R$ 286,30
Gestão Ambiental: R$ 181,30
Gestão da Qualidade: R$ 174,30
Gestão de Recursos Humanos: R$ 181,30
Gestão Financeira: R$ 174,30
Gestão Pública: R$ 195,31
Artes Visuais: R$ 160,30
Geografia: R$ 174,30
Letras - Português: R$ 181,30
Comércio Exterior: R$ 174,30
Gestão de Tecnologia da Informação: R$ 174,30
Gestão de Serviços Jurídicos, Notariais e de Registro: R$ 209,30
Gestão de Agronegócio: R$ 174,30
Gestão Hospitalar: R$ 195,31
Logística: R$ 195,31
Marketing: R$ 174,30
Processos Gerenciais: R$ 195,31
Redes de Computadores: R$ 174,30
Segurança do Trabalho: R$ 195,31


Não encontrou o seu curso dos sonhos na lista? Não tem problema! Acesse a página da UNIP no Quero Bolsa e encontre várias opções de graduação com desconto.

Como funciona o Quero Bolsa?

Para garantir a sua bolsa no Quero Bolsa não é preciso comprovação de renda ou pagar taxas semestrais. É só acessar o site, escolher o curso, a instituição de ensino e o quanto você pode pagar! Depois isso, é só fazer a sua matrícula antecipada e se tornar um querobolsista. Lembrando que, no Brasil, quem possui Ensino Superior completo consegue ganhar duas vezes mais. Ficou com alguma dúvida? É só ligar para o 0800 123 2222 e falar com um dos nossos Guias do Aluno, que eles responderão todas as suas questões.

Inscrições para o Programa Transporte Universitário 2018.2 no Maranhão

Inscrições abertas para o programa Cartão Transporte Universitário 2018.2 no Maranhão, que vai conceder bolsa semestral no valor de R$ 800,00 para universitários em geral e estudantes do IEMA (Instituto de Educação do Maranhão) que precisam percorrer mais de 100 km de distancia (somados ida e volta) entre a residência e a instituição que estudam.



O Cartão Transporte Universitário é uma iniciativa do Governo do Estado, através da Secretaria de Estado Extraordinária da Juventude (Seejuv) e Secretaria de Estado dos Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop), e vai atender estudantes matriculados em cursos presenciais e com regime diário de aulas em Instituições de Ensino Superior públicas ou privadas no Maranhão e estudantes do IEMA.

O pagamento do crédito de R$ 800,00 será feito por meio do Cartão Transporte Universitário, a cada semestre letivo, para o custeio do deslocamento, com contratação do transporte sendo de exclusiva responsabilidade do estudante, que escolherá a forma que melhor lhe convier, de acordo com suas necessidades e com as realidades locais.


REQUISITOS PARA PARTICIPAR DO PROGRAMA

• Seja domiciliado no Maranhão e matriculado em curso superior presencial ou estudante do IEMA;
• Estude em cidade diferente daquela em que é domiciliado;
• O seu deslocamento diário no trajeto domicílio – instituição – domicílio (ida e volta) não seja inferior a 100 km (quilômetros);
• Apresente comprovante de matrícula atualizado a cada semestre com a indicação das disciplinas que serão cursadas.

COMO SERÁ FEITA A SELEÇÃO

Se o número de inscritos exceder ao de vagas, 950 para universitários em geral e 50 para alunos do IEMA, terão prioridade os estudantes que estejam, ou um dos pais esteja, no CADÚNICO - Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, sendo este o primeiro critério de seleção. Após a priorização pelo CADÚNICO, permanecendo ainda a existência de vagas, proceder-se-á a sorteio, como segundo critério de escolha.

INSCRIÇÕES 2018.2

As inscrições para esta etapa referente ao segundo semestre de 2018, podem ser realizadas de forma gratuita, até dia 31 de agosto de 2018, somente pela internet no link mais abaixo. Os documentos exigidos estão listados abaixo e precisam ser escaneados em formato PDF e anexados no sistema de inscrição. Uma opção para escanear os documentos é instalando o aplicativo CamScanner para smartphones.

DOCUMENTOS

• Documento de identidade e CPF;
• Foto 3×4;
• Comprovante de residência dos últimos seis meses (06 comprovantes), o mesmo fornecido a instituição de ensino superior no ato de matrícula (conta de água ou luz ou telefone); Ou Apresentar contrato ou recibo mensal de pagamento, caso o estudante resida em imóvel alugado;
• Comprovante de matrícula para o período vigente em 2018.2, devidamente assinado pela instituição de ensino superior;
• Histórico acadêmico disponibilizado pelo estabelecimento de ensino e nos casos de quem esteja matriculado ainda no primeiro período, comprovante de matricula nas disciplinas a cursar;
• Declaração firmada pelo estudante acerca da veracidade das informações prestadas (modelo em anexo ao edital);
• Se for o caso, comprovante de inscrição no CADÚNICO.

EDITAL do Programa Cartão Universitário 2018.2 para universitários em geral PDF

EDITAL do Programa Cartão Universitário 2018.2 para estudantes do IEMA PDF

Página de ACOMPANHAMENTO: editais e retificações, INSCRIÇÕES, resultados e publicações relacionadas

segunda-feira, 13 de agosto de 2018

Site oferece mais de 110 mil bolsas para pós-graduação em 2018

Você conhece o Quero Bolsa? Esse site está oferecendo, ainda para 2018, mais de 110 mil bolsas de estudo para pós-graduação em instituições de todo o território brasileiro. Por isso, se você já possui uma graduação, chegou a hora de se especializar e aumentar a sua chance no mercado de trabalho. Esses descontos são de até 70% e válidos até o final do curso, englobando diversas áreas como, por exemplo: Direito, Gestão, Finanças, Comunicação, Saúde, entre outros.



Além disso, diversas instituições de importância no Brasil são parceiras do Quero Bolsa, entre elas estão: Anhembi Morumbi, Senac, FMU, UVA, FAC, Nilton Lins, Fametro, UniRitter, Cruzeiro do Sul, Unip, Estácio e outras 1300 faculdades e universidades.

Lembrando que o site também oferece bolsas de estudo para cursos de graduação.

Como conseguir uma bolsa no Quero Bolsa?

Para garantir o seu desconto, é preciso seguir o seguinte passo a passo:


• Escolha a modalidade do curso (pós-graduação ou graduação) no site do Quero Bolsa (www.querobolsa.com.br);
• Escolha o curso desejado;
• Escolha se deseja que o curso seja presencial ou a distância;
• Informe se você prefere alguma faculdade;
• Selecione o quanto você pode pagar e pronto!

É importante destacar que não é preciso passar por nenhum tipo de processo seletivo ou comprovação de renda para conseguir uma bolsa de estudo no site.

Qual é a importância de fazer uma pós-graduação?

Segundo um estudo feito pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) em 2016, cada ano de estudo completo pode resultar, em média, 15% de aumento no salário. Porém, quando o assunto é pós-graduação, essa porcentagem pode chegar a até 40%.

Com o País ainda atravessando uma crise econômica, a concorrência no mercado de trabalho tende a aumentar ainda mais. Por isso, ter uma especialização no currículo, seja ela lato ou stricto sensu, pode ser uma ótima alternativa para se destacar e conseguir uma melhora na renda mensal.

Qual é a diferença entre lato sensu e stricto sensu?

Segundo o guia completo da pós-graduação do Quero Bolsa, a maior diferença entre essas modalidades são as suas finalidades.

• Lato sensu
Por sua vez, a pós-graduação lato sensu diz respeito aos cursos de especialização, englobando cursos de Master Business Administration (MBA). Estes cursos permitem o desenvolvimento de novas habilidades que, combinadas com o foco inicial de sua área, podem ampliar o seu valor no mercado de trabalho.


• Stricto sensu
A pós-graduação stricto sensu engloba os cursos de mestrado e doutorado, fundamentais quando se pensa em seguir carreira científica ou praticar a docência em instituições de nível superior. Além destes, há a modalidade de mestrado profissional, que é menos voltada para a pesquisa e docência, e mais focada no dia a dia profissional.

Quero fazer uma especialização (ou graduação)!

Ficou interessado em uma bolsa de estudo? Que ótimo! Agora é só entrar no site do Quero Bolsa e garantir a sua.


Se você ficar com qualquer tipo de dúvida, é só ligar no 0800 941 3000 (é gratuito) e um Guia do Aluno irá te ajudar!
___________________________
Conteúdo original na Revista QB.

sexta-feira, 10 de agosto de 2018

Resultado final do Vestibular 2018.2 do Programa Ensinar (UEMA) - Lista de classificados

O resultado final com a lista de classificados do Processo Seletivo Simplificado - Vestibular 2018.2 do Programa Ensinar de Formação de Professores promovido pela Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) foi publicado na tarde desta sexta-feira (10). O link para consulta do boletim de desempenho individual também está no final da matéria. O Programa Ensinar substitui o extinto Programa Darcy Ribeiro.



A UEMA ofereceu, neste concurso, 1.890 vagas, dessas, 1.865 candidatos foram aprovados, ou seja, 98,6% de aproveitamento para os cursos de Geografia, Ciências Sociais, Química, Física, História, Pedagogia e Letras.

Os novos polos estão sendo implantados nos municípios de Anajatuba, Santa Rita, Vitória do Mearim, Viana, Zé Doca, Icatu, Santa Inês, Loreto, Paraibano, Pirapemas, Arari, Santa Luzia do Paruá, Pedreiras, Pinheiro, Presidente Sarney, Turiaçu e Santa Luzia. Atualmente, a universidade conta com 12 polos do Programa Ensinar. Com este seletivo, soma-se mais 17, gerando um total de 29 polos em todo o Estado do Maranhão.


A lista de classificados está disponibilizada nos links abaixo no formado PDF. Devido ao grande número de acessos, os arquivos eventualmente podem demorar a carregar. As matrículas devem ser feitas conforme datas, normas e procedimentos que constam no edital de convocação para matrícula.

EDITAL de convocação para matrículas: datas, lista de documentos e endereços

Classificados no Sistema Universal

Classificados nas Vagas para Estudantes Negros ou de Comunidades Indígenas

Classificados nas Vagas para Pessoas com Deficiência

Triste porque não se classificou? Eis outra chance:
INSCRIÇÕES abertas para cursos superiores na UFMA

Consulta de DESEMPENHO individual - Válido para candidatos classificados, excedentes e eliminados

quinta-feira, 9 de agosto de 2018

Salário de tecnólogo: confira o salário médio de 6 cursos tecnológicos

A formação em cursos tecnológicos (ou curso tecnólogo ou curso de tecnologia) é considerada pelo Ministério da Educação (MEC) como curso superior. Sua duração é mais curta que os cursos de bacharelado e licenciatura, a duração dos cursos tecnólogos pode ser de 2 a 3 anos em média. É mais direcionado para as demandas do mercado de trabalho e o curso de tecnólogo é mais voltado para, além de teoria, atividades práticas.



Assim como para quem se forma bacharel e licenciado, o salário médio de quem se forma tecnólogo no Brasil pode variar muito. Fatores como área de formação e atuação são determinantes.

Confira abaixo a lista de salário médio para profissionais tecnólogos:

Tecnólogo em Recursos Humanos: o salário médio de um Tecnólogo em Recursos Humanos no Brasil é de R$ 2.742.

Tecnólogo em Logística: o salário médio de um Tecnólogo em Logística no Brasil é de R$ 1.744.

Tecnólogo em Gestão da Tecnologia da Informação: o salário médio de um Tecnólogo em Gestão da Tecnologia da Informação no Brasil é de R$ 6.953.


Tecnólogo em Sistemas para Internet: o salário médio de um Tecnólogo em Sistemas para Internet no Brasil é de R$ 3.418.

Tecnólogo em Estética*: o salário médio de um Tecnólogo em Estética no Brasil é de R$ 1.244.

Tecnólogo em Design Gráfico*: o salário médio de um Designer Gráfico no Brasil é de R$ 2.095.

*também válido para formados em bacharelado.

Ver salário médio de mais tecnólogos

Caso você queira saber o salário médio de mais profissões, o site Quero Bolsa disponibiliza essa informação para diversos cursos, tais como:

Salários Psicologia
Salários Nutrição
Salários Direito
Salários Engenharia Civil
Salários Enfermagem
Salários Engenharia de Produção
Salários Administração
Salários Odontologia
Salários Arquitetura e Urbanismo

Basta clicar no nome do curso para ter acesso às informações gratuitas sobre remuneração dos profissionais da área. Você poderá ver, inclusive, variações salariais por especialidade em alguns cursos, como no exemplo abaixo:


___________________________
Conteúdo original na Revista QB.

quarta-feira, 8 de agosto de 2018

9 cursos para quem gosta de animais

Se você entrou nessa matéria, é porque gosta de bichinhos, não é mesmo? Por isso, vou te dar de presente esse vídeo maravilhoso e que vai te deixar bem feliz. Dá uma olhada no vídeo a seguir cheio de animaizinhos bem fofinhos:




Como você está depois dessa dose extra de fofura? Se a sua vontade de trabalhar rodeado por animais aumentou, então eu posso te ajudar a realizar esse sonho! Que tal escolher cursos que permitem essa convivência diária com eles?

Além da tradicional Medicina Veterinária, há diversos cursos que permitem que você tenha a oportunidade de trabalhar lado a lado desses bichinhos, tanto os domésticos quanto aqueles que são considerados selvagens. Veja lista com 9 cursos para quem gosta de animais:


1 - Medicina Veterinária
O curso de Medicina Veterinária forma profissionais capazes de intervir em todos os setores associados à saúde animal. Atividades de inspeção de produtos de origem animal e direção de estabelecimentos de ensino e pesquisa são algumas de suas competências. Ao final do curso, o médico veterinário está qualificado para oferecer... Ver Mais

2 - Ciências Biológicas
O curso de Ciências Biológicas estuda os seres vivos, a relação entre eles e o meio ambiente, além dos processos e mecanismos que regulam a vida. Os profissionais formados nesta área têm um papel importante nas questões que envolvem o conhecimento da natureza. O estudo das Ciências Biológicas possibilita... Ver Mais

3 - Terapia Ocupacional (por essa você não esperava, não é mesmo?)
O curso de Terapia Ocupacional forma profissionais capacitados para trabalhar com a saúde humana, buscando tratamentos e terapias para a recuperação física e psicológica do paciente. Os terapeutas ocupacionais são profissionais de grande importância no tratamento de pessoas com dificuldade de integração social, por exemplo... Ver Mais


4 - Jornalismo Ambiental
O curso de Jornalismo forma profissionais capazes de produzir notícias para meios de comunicação, como jornais, revistas, rádio, TV e internet. Para isso, o estudante deve aprender a investigar, compreender, narrar e informar sobre acontecimentos, fatos ou situações que dizem respeito à sociedade. Ao final do curso, o aluno se... Ver Mais

5 - Fotografia de Animais
O curso de Fotografia forma profissionais capacitados a atuarem artisticamente, comercialmente ou de modo documental na transmissão de uma mensagem por meio de imagens. Ao final do curso, o fotógrafo terá conhecimento e domínio sobre os elementos de composição de uma boa imagem, utilizando o enquadramento... Ver Mais

6 - Oceanografia
O curso de Oceanografia forma profissionais aptos a investigar as características dos mares, oceanos e zonas costeiras. O profissional trabalha desde as características físicas até os fenômenos ocorrentes nesses ambientes e suas formas de vida. Isto inclui sua interação com a atmosfera e os continentes. Ao final do curso, o aluno está... Ver Mais

7 - Zootecnia
O curso de Zootecnia capacita profissionais para aumentar a produtividade da criação animal e a rentabilidade de produtos de origem animal como leite, ovos, carnes, etc. O zootecnista atua nas diversas fases da cadeia produtiva dos animais, coordenando a criação de rebanhos de bois, aves, cabras, ovelhas, porcos e cavalos. Também... Ver Mais

8 - Agronomia
O curso de Agronomia está voltado para todas as etapas da agropecuária – do plantio e da criação de rebanhos à comercialização da produção. Ao se formar, o agrônomo está qualificado para aumentar a produtividade agropecuária. Isto é feito por meio da preparação do solo para plantio, do controle de pragas e de armazenamento... Ver Mais

9 - Ecologia
O curso de Ecologia forma profissionais capazes de compreender o funcionamento dos ecossistemas nas suas mais variadas escalas, além de identificar e solucionar os conflitos entre as ações humanas e o meio ambiente. Ao final do curso, o aluno estará apto para ajudar a compreender e resolver os desafios da humanidade frente às... Ver Mais

Quero começar a estudar, mas não posso pagar :(

Se esse é o seu problema, acho que eu posso te ajudar. Você conhece o Quero Bolsa? Esse site tem parceria com mais de 1300 faculdades em todo o Brasil e oferece bolsas de estudo de até 75%.


Além disso, não há nenhum tipo de burocracia, ou seja, não é preciso comprovar renda, fiador ou passar por qualquer outro processo que dificulte o seu ingresso na faculdade. Ficou com alguma dúvida? É só ligar no 0800 941 3000 (é gratuito) e um Guia do Aluno irá te ajudar!
___________________________
Conteúdo original na Revista QB.

terça-feira, 7 de agosto de 2018

Vagas para coordenador pedagógico em diversas cidades do Maranhão

Vagas de emprego para o cargo de coordenador pedagógico em diversas cidades do Maranhão para atuar em polo universitário. A seleção está sendo feita pela Manpower, empresa especializada em recrutamento de recursos humanos.



As vagas está disponíveis para as seguintes cidades:
Coroatá - MA (01 vaga);
Coelho Neto - MA (01);
Vargem Grande - MA (01);
Timon - MA (01);
Rosário - MA (01);
Viana - MA (01);
Bacabal - MA (01);
Presidente Dutra - MA (01);
Barra do Corda - MA (01).


• Nome do cargo: coordenador pedagógico de polo universitário.
• Requisitos: curso superior completo acrescido de pós-graduação, preferencialmente na área da educação; desejável conhecimentos na área de coordenação pedagógica. Ainda não tem curso superior ou pós-graduação? Clique aqui e comece seu curso superior OU aqui para começar sua pós-graduação a partir de R$ 79 mensais.

• Atribuições do cargo: Participar ativamente da implantação e consolidação do Polo de educação; Participar e coordenar eventos; Participar de ações comerciais; Estimular captação e retenção; manter a equipe focada em resultados; propor melhorias na estrutura física da unidade; Participar de entrevistas; Participar de processos de planejamento de divulgação dos cursos.

• Remuneração: Salário acrescido de benefícios (Bolsa de Estudo + Vale Alimentação + Vale Transporte + Seguro de vida).

• Como se candidatar: envie seu currículo para recrutador@manpower.com.br colocando no assunto do e-mail NOME + CIDADE. Os currículos podem ser enviados até o dia 31 de agosto de 2018.

segunda-feira, 6 de agosto de 2018

Desemprego afeta mais os profissionais sem diploma de faculdade

“Profissionais com Ensino Superior sofrem menos os efeitos da crise”, afirma Rodrigo Capelato, diretor-executivo do Semesp, entidade que representa as mantenedoras do Ensino Superior. A conclusão foi tirada a partir dos resultados do Índice de Empregabilidade do Ensino Superior, estudo produzido pela Assessoria Econômica do Semesp. “Nos três primeiros meses do ano, o saldo de empregos das pessoas com Ensino Superior foi positivo em cerca de 100 mil novos postos de trabalho com carteira assinada. O profissional qualificado é um pouco mais blindado à crise”, conclui Capelato.


Entre janeiro e março de 2018, a quantidade de pessoas com Ensino Superior completo empregadas subiu 2,2%, enquanto que, no mesmo período, o número total de pessoas com emprego no País caiu 27,8%.

Saldo de empregos no Brasil

A área que apresentou o maior saldo de empregos entre as pessoas com Ensino Superior completo no primeiro trimestre de 2018 foi a dos profissionais com diploma de licenciatura. O número de licenciados admitidos, subtraindo a quantidade de demitidos, foi de 53.317.

Em segundo lugar, aparece a área de Administração, com um saldo de 12.316 profissionais com Ensino Superior empregados.

Na sequência, aparecem as áreas de Enfermagem (2.120), Tecnologia da Informação (1.932), Recursos Humanos (471), Direito (287) e Logística (208).


A única área presente no índice que apresentou saldo negativo de pessoas com Ensino Superior completo empregadas foi a Engenharia, com uma redução de 123 postos de trabalho para pessoas qualificadas. “O saldo negativo em Engenharias mostra que infraestrutura e indústria ainda não se recuperaram da crise, pois são as que mais geram emprego para esta área”, comenta Capelato.

Diploma de faculdade é sinônimo de maiores salários

Além de terem mais estabilidade no trabalho, o Índice de Empregabilidade do Ensino Superior mostra que os profissionais com diploma de faculdade também têm salários mais altos em relação aos trabalhadores com Ensino Médio completo.


O que também chama a atenção, nesse quesito, é a diferença salarial existente entre homens e mulheres, independentemente do nível de escolaridade.

Mulheres entre 19 e 24 anos com diploma de faculdade ganham, em média, R$ 1.861,86; sem faculdade, a média feminina cai para R$ 1.131,49. Homens com Ensino Superior completo, na mesma faixa etária, recebem, em média, R$ 2.168,16; com escolaridade até Ensino Médio, a média salarial masculina para essas idades é de R$ 1.174,94.

Na faixa etária acima de 65 anos, os homens ganham até 77% a mais que as mulheres. De 50 a 54 anos, os homens têm salário 52% superior ao das mulheres. De 40 a 44 anos, a diferença cai para 36%. Já entre os mais jovens, de 19 a 24 anos, a variação é de 13%. Para Capelato, “a diferença de salário entre homens e mulheres vem reduzindo e tende a desaparecer com o tempo. Conforme as gerações avançam, as diferenças diminuem”.


Clique aqui para acessar o Índice de Empregabilidade do Ensino Superior completo, elaborado pelo Semesp.
___________________________
Conteúdo original na Revista QB.

domingo, 5 de agosto de 2018

Inscrições para Programa de Aprendizagem na Eurosono de Bacabal em parceria com o SENAI

A indústria de colchões Eurosono de Bacabal, em parceria com o SENAI (Serviço de Aprendizagem Industrial), está com inscrições abertas para o Programa de Aprendizagem Industrial 2018.2. Uma excelente oportunidade para jovens que desejam entrar no mercado de trabalho com a realização de curso numa instituição conceituada nacionalmente.



O Programa de Aprendizagem Industrial é ofertado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) em parcerias com indústrias. Por meio dos cursos de aprendizagem, as empresas contratam os jovens, por tempo determinado, atendendo a cota de aprendiz e preparando recursos humanos que poderão fazer parte do seu quadro de funcionários, além de contribuir para a formação dos futuros profissionais do país.


Os jovens que participam do Programa de Aprendizagem Industrial do SENAI, realizam cursos da área e atividades práticas na empresa parceira, de segunda a sexta, durante 04 horas por dia. O Programa dura em média um ano e os participantes recebem remuneração de meio salário mínimo por mês.

Pré-requisitos:
• Idade de 18 a 23 anos;
• Está cursando ou ter concluído o Ensino Médio;
• Ter disponibilidade no turno vespertino;
• Ter os seguintes documentos: RG, CPF e Carteira de Trabalho.

A entrega dos currículos deve ser feita pessoalmente na empresa Eurosono de Bacabal (localizada no bairro Parque Santa Clara), somente nos dias 06 e 07 de agosto de 2018, horário das 8hs às 11hs e das 13hs às 17hs. Os candidatos que tiverem os currículos selecionados, posteriormente serão convocados para entrevista presencial.

quinta-feira, 2 de agosto de 2018

Previsão de concurso do IFMA em 2018 para cargos administrativos e professores, veja a distribuição de vagas por cargos e escolaridade

O Instituto Federal do Maranhão (IFMA) realizará um novo concurso em breve, ainda neste ano de 2018, ou no início do ano de 2019. As vagas serão destinadas para cargos que exigem escolaridade de nível técnico e superior em cargos administrativos e de professores de diversas áreas da educação técnica.



A confirmação de realização desse novo concurso do IFMA se deve ao fato de que a instituição começou a realizar neste mês de agosto de 2018 um processo de contratação, através de licitação, em que o Instituto receberá propostas de empresas especializadas na prestação de serviços de suporte à atividade de desenvolvimento institucional relacionada a planejamento, organização e realização de concurso público, com a elaboração, impressão e aplicação de provas.


O Aviso de Chamada Pública nº 2/2018, foi publicado no Diário Oficial da União do dia 2 de agosto de 2018, que pode ser lido na íntegra mais abaixo, confirma a intenção de realização do concurso. Segundo o projeto do concurso (Chamada Pública N° 02/2018/REITORIA - Anexo I - Projeto Básico), serão disponibilizadas vagas para professores de diversas disciplinas e para cargos administrativos (TAE = Técnico Administrativo em Educação). Veja no final da matéria o quantitativo de vagas por cargos segundo o referido projeto.

O concurso ainda não tem data exata para ser realizado, apenas previsão para ainda este ano de 2018 ou 2019. A lista específica de cargos e vagas por cidade, bem como período de inscrições e demais detalhes devem ser conhecidos quando edital for publicado, sem data no momento. O conteúdo a ser estudado para cada cargo, pode ser baseado nos editais dos concursos anteriores, aqui está o link do último concurso do IFMA realizado em 2016 também para professores e técnicos administrativos.

Materiais de estudo para este concurso:
Língua Portuguesa
Informática básica
Pedagogia/Educação para PROFESSOR de qualquer área
Matemática, Raciocínio Lógico, Português, Informática

O QUE ESTUDAR PARA ESTE CONCURSO?

Cargos administrativos de nível técnicos: prova objetiva com questões de Português (10 questões), Matemática (05), Informática (05), Legislação (10) e Conhecimentos específicos (20).
Cargos administrativos de de nível superior: prova objetiva com questões de Português (15), Raciocínio Lógico-quantitativo (05), Informática (05), Legislação (05) e Conhecimentos específicos (20).
Cargo de Professor: prova objetiva e discursiva com conteúdos específicos da área de formação; haverá também prova de desempenho didático (aula prática) e prova de títulos.

VALORES DE SALÁRIOS

Cargos administrativos de nível médio ou técnico: R$ 2.446,96; Cargos administrativos de nível superior: R$ 4.180,66; Professor: R$ 4.455,22. A jornada semanal é de 40 horas. Os valores se referem ao salário básico e podem ser acrescidos de gratificação por titulação (especialização ou mestrado ou doutorado) e outros benefícios como auxílio-alimentação, auxílio transporte, auxílio pré-escolar, adicional de risco, saúde suplementar.

NÚMERO DE CLASSIFICADOS

Se o cargo tem 01 vaga imediata, serão classificados o limite de 05 candidatos, sendo que 01 assume a vaga imediata e os outros 04 formam o cadastro de reserva, podendo ser convocados (ou não) durante a validade do concurso;
Se o cargo tiver 02 vagas imediatas, serão classificados o limite de 09 candidatos;
Se o cargo tiver 03 vagas imediatas, serão classificados o limite de 14 candidatos;
Se o cargo tiver 04 vagas imediatas, serão classificados o limite de 18 candidatos.

Esse limite máximo de classificados leva em consideração todas as cotas. Por exemplo, no caso de 01 vaga, são classificados o total de 05 candidatos, sendo 03 da concorrência universal, 01 da cota de negros e 01 da cota de deficientes. Classificação em conformidade com disposto no art. 16 do Decreto nº 6.944, de 21 de agosto de 2009 e no art. 42 do Decreto nº 3.298, de 20 de dezembro de 1999.

CONCURSO EM ANO DE ELEIÇÃO, PODE?

Sim, pode. Em ano de eleição os concursos podem ser autorizados, abertos, editais podem ser publicados, abrir inscrições, aplicar provas, acontecendo antes, durante ou depois das eleições. O artigo 73 da Lei 9.504/1997, de forma geral, apenas proíbe a nomeação três meses antes e três meses depois do dia da eleição, e em caso de concursos já homologados, a nomeação poderá ocorrer em qualquer tempo.




AVISO de Chamada Pública 02/2018 publicado no DOU

Anexo I - Projeto Básico do Concurso 2018 do IFMA

Descubra o perfil do estudante de cada curso superior no Brasil

A universidade agrega todos os tipos diferentes de pessoas, de diferentes origens, raças e idade. No meio de tanta gente, você já parou para pensar como seria o perfil do estudante do seu curso? Se reuníssemos todo mundo que cursa Direito em uma pessoa só, como ela seria? Qual seria o sexo dela? Qual seria a idade dela?


Para entender isso, traçamos um perfil baseado nas informações dos alunos dos cursos mais procurados do Ensino Superior no Brasil, a partir dos dados oferecidos pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Veja a lista abaixo e descubra se você se encaixa com o perfil.





O que podemos entender com isso?

Com base nos resultados, podemos observar que as mulheres são maioria nas turmas de Medicina, Odontologia, Direito e em cursos relacionados à saúde e à educação, enquanto os homens são maioria em cursos de Engenharia e de Ciências Exatas. Entre os estudantes que cursam Medicina atualmente, 57,75% são mulheres - em cursos como Pedagogia, esse número aumenta para 92,7%.

E, falando em Medicina, entre os cursos usados na pesquisa ele é o único em que a maioria dos estudantes se formaram no Ensino Médio particular. Entre os fatores que podem explicar esta questão estão os vestibulares extremamente concorridos das universidades públicas e as altas mensalidades das instituições particulares, que podem passar de 10 mil reais.

Idade

A média de idade desses perfis está entre 20 e 22 anos, sem muita diferença de idade entre o aluno da universidade pública e privada. A taxa de alunos mais velhos, no entanto, é proporcionalmente maior em universidades privadas.

Período

A maioria dos perfis estuda no período noturno, o que é um reflexo do aumento do número de estudantes trabalhadores nas universidades. As instituições públicas contam com mais alunos no período integral, da mesma maneira que cursos como Medicina e Odontologia, já que possuem uma alta carga de estudo extraclasse, dificultando exercer alguma atividade remunerada durante o período do curso. Por outro lado, as instituições privadas possuem muito mais alunos no período noturno, e maioria é de mulheres.

Cor

No geral, pessoas brancas compõem a maioria dos perfis acima: 54% dos estudantes do Ensino Superior no Brasil são brancos, enquanto na população brasileira essa taxa é de 44,2%, segundo o IBGE. Em universidades públicas há mais participação de pretos e pardos do que em instituições privadas, resultado das políticas de cotas implementadas pelo governo.

De onde tiramos isso?

Para realizar esta pesquisa, analisamos os dados do Censo da Educação Superior mais recente, publicado pelo Inep em 2016, com dados de todos os alunos com matrícula ativa nas instituições de Ensino Superior do Brasil.

É importante ressaltar que foi levada em consideração nesse levantamento a moda (o valor mais frequente num conjunto de dados) dos dados dos alunos. E, para nomenclatura e divisão das raças/cores, foi utilizado o padrão do MEC: parda, preta, branca, amarela e indígena.

O que achou do perfil do seu curso? Se identificou? O que mais te impressionou?
___________________________
Conteúdo original na Revista QB.