terça-feira, 24 de julho de 2018

Esportes + Internet + Mídia Social = Sucesso

A internet e as redes sociais mudaram a forma como as pessoas interagem ao redor do mundo, mas também têm funcionado como um meio para o desenvolvimento de plataformas que trazem esportes que são muito populares em algumas regiões, como no caso do futebol para o Brasil e Hockey para os Estados Unidos. Os espectadores desses novos mercados antes só tinham acesso ao que a televisão local lhes permitia assistir, mas agora podem se tornar fãs de outros esportes.


Fonte da imagem: Pexels.com

Da Irlanda ao Brasil em apenas alguns cliques

Os Estados Unidos são um país que é tradicionalmente conhecido por esportes como beisebol ou basquete, onde eles têm as ligas mais dominantes do mundo, mas um esporte tão popular no Brasil quanto o futebol teve algumas dificuldades para encontrar plataformas que o aproximassem facilmente das pessoas, já que a liga de futebol local (MLS) não ser tão marcante quanto as ligas de beisebol (MLB) ou de basquete (NBA). Em busca de ampliar a atração para este esporte nos Estados Unidos, Mark Zuckerberg chegou a um acordo com a UEFA e a rede de televisão Fox Sports para transmitir desde o ano passado jogos da Liga dos Campeões gratuitamente através do Facebook, e os resultados têm sido muito satisfatórios, já que como essa rede social agora exibe um dos torneios mais bem sucedidos do mundo a empolgação do público americano em sediar a Copa do Mundo de 2026, junto com o México e o Canadá, está disparando em dimensões fora das expectativas.

No caso do Brasil, o Betway é outro site que funciona como um mostruário para esportes que não são tão populares no país, pois oferece uma grande variedade de esportes para fazer apostas online, como o esporte Gaélico de Hurling, que é muito famoso no norte do Reino Unido, e tem como favoritos para vencer o campeonato deste ano o Galway, com 52,4% de possibilidades a seu favor no All Ireland Senior Hurling Championship 2018.

Por outro lado, um país tão quente como o Brasil também tem acesso através desta plataforma ao hóquei no gelo, que é um dos esportes favoritos nos Estados Unidos e no Canadá. Tanto que eles têm uma liga conjunta chamada NHL, e que também já tem favoritos para vencer a Stanley Cup na temporada atual: Tampa Bay Lightning com 11,1% de possibilidades em 12 de junho. Já o YouTube se tornou uma das plataformas que estiveram na vanguarda dessa abertura desde o seu lançamento em 2005, recebendo mais de 50 mil horas de vídeos por dia, alcançando mais de um bilhão de usuários na atualidade e gerando bilhões de visualizações diárias, incluindo conteúdo esportivo de todo o mundo, como perfis de jogadores, equipes e resumos de jogos.

Fonte da imagem: Pixabay.com

Os videogames também são esportes

Os eSports estão muito perto de se tornar um esporte olímpico, porque, como relatado pela SporTV, a Federação Internacional de eSports está negociando com o Comitê Olímpico Internacional para que estes sejam incluídos nos Jogos Olímpicos em Paris 2024, devido a serem torneios competitivos e para tornar os gamers mais populares em atletas olímpicos. Nesse aspecto, o Twitch é uma das plataformas mais bem sucedidas em trazer torneios competitivos de videogames para todo o mundo.

Por muitos anos os eSports tiveram grande popularidade na Coréia do Sul e os jogadores desse país ficaram famosos por seu desempenho em videogames como League of Legends. No caso deste videogame, um campeonato mundial é organizado todos os anos, e em 2017 este evento atraiu mais de 60 milhões de telespectadores para a plataforma para ver a final do torneio ao vivo, e os vencedores do evento receberam mais de US$ 1.700.000 em prêmios. O 2018 LOL World Championship será realizado na Coréia do Sul, e as equipes locais são as favoritas para serem as vencedoras novamente, apesar de buscarem um lugar no torneio contra competidores de todo o mundo, incluindo times brasileiros como o Flamengo. Os eSports foram tão bem recebidos globalmente que a ESPN já os inclui como parte de sua programação e os torneios realizados atraem patrocinadores como Samsung, Adidas e Red Bull.

Fonte da imagem: LOL Esports via Facebook

As múltiplas plataformas que a internet disponibiliza para todos têm funcionado não apenas para conectar pessoas mas também para aproximá-las de plataformas esportivas e de entretenimento, que até recentemente eram pouco conhecidas fora do seu local de origem. Com as ferramentas que a tecnologia continua a desenvolver, como os smartphones, as barreiras geográficas estão desaparecendo para colocar o mundo nas mãos de todos.
CADASTRE SEU WHATSAPP PARA RECEBER AVISOS DE NOVAS POSTAGENS
Clique aqui para se cadastrar (link só funciona pelo celular, vai abrir uma conversa no WhatsApp)


CADASTRE SEU E-MAIL PARA RECEBER AVISOS DE NOVAS POSTAGENS
Preencha seu e-mail abaixo, em seguida acesse seu e-mail e procure na sua caixa de entrada ou lixo/spam uma mensagem com o assunto Activate your Email Subscription to: Nova postagem no Castro Digital, abra e clique no link de confirmação.



COMENTE ESTA NOTÍCIA COM SEU PERFIL DO FACEBOOK OU SE PREFERIR, MAIS ABAIXO COM SEU PERFIL DO GOOGLE/BLOGGER - REGRAS: Os comentários devem ser relacionados com o assunto da matéria. Não é permitido comentário sem identificação. Comentários feitos com conta Fake ou conta do Google do tipo Unknow (Desconhecido) não serão publicados. Todos os comentários são moderados previamente, por isso, não repita o mesmo comentário, pois ele só vai aparecer aqui após aprovação. Comentários com acusações e/ou palavras de baixo calão também serão imediatamente deletados e, se for o caso, o perfil pode até ser banido e não mais permitido que publique nenhum comentário. Também não é permitido comentário com nenhum tipo de publicidade.

0 comentários: