sábado, 22 de agosto de 2015

Fotos da 1º Audiência pública realizada no Maranhão sobre a Importância dos Profissionais de Comunicação para a Sociedade

A Audiência Pública com profissionais da comunicação foi realizada na Assembleia Legislativa do Maranhão (AL-MA), na capital São Luis, na tarde da última sexta-feira (21). Idealizada e presidida pelo deputado estadual Wellington do Curso, o evento teve como tema A Importância dos Profissionais de Comunicação para a Sociedade.

► COMPARTILHE NO FACEBOOK
► COMPARTILHE VIA WHATSAPP

A audiência teve a presença de representantes das secretarias de Comunicação do Estado e da Prefeitura; o presidente do Sindicato dos Radialistas (Sinrad), José Santos; o representante da Associação Brasileira de rádios comunitárias, Neuton César; o radialista Flávio Chocolate; o jornalista e radialista Djalma Rodrigues (representando a Câmara), representante de Rádios a Cabo, entre outros órgãos representativos da classe, profissionais de comunicação com atuação em rádio, televisão e internet.


Por entender a importância dos comunicadores no processo de socialização e democratização de ideias e informações, Wellington, que sempre teve um bom relacionamento com a imprensa maranhense, foi um dos primeiros parlamentares a promover discussão sobre os interesses da classe no parlamento estadual.

Os assuntos tratados foram a liberdade de expressão, os direitos trabalhistas da classe, como o piso salarial; a oficialização do registro dos profissionais; o melhoramento da estrutura do sindicato; a organização da classe patronal; determinação do uso da voz em propagandas publicitárias ou rádio; qualificação profissional; sindicalização permanente que visa conversar com os trabalhadores, para que eles se sintam representados entre outros.

Os profissionais da comunicação de Bacabal que participaram do evento foram este que vos escreve, a radialista e apresentadora de Tv Fladyane Lisboa, e os radialistas Cristiano Viana, Riba Filho e Júnior Black.

Na audiência, o deputado Wellington deu a oportunidade para que todos os profissionais se expressassem colocando suas perguntas, questionamentos e opiniões. O evento teve mais de 4 horas de duração. Esta foi só a primeira de muitas outras audiências que devem ocorrer para discussões pertinentes à classe de comunicadores de todo Maranhão.

"Devemos discutir com profundidade os problemas enfrentados pela classe de jornalistas, radialistas, profissionais de comunicação e buscar alternativas para que sejam sanados, melhorando a qualidade de vida desses profissionais que são, acima de tudo, responsáveis por manter a sociedade informada. Somo a minha voz às vozes de todos os comunicadores do Maranhão e coloco o nosso mandato à disposição da imprensa e da comunicação", afirmou o deputado Wellington.

Ao final da Audiência, foram levantados seis encaminhamentos: a Implantação do Conselho Estadual de Comunicação Social; a realização de uma Audiência Pública sobre os profissionais de rádio e TV, marcada para o dia 29 de setembro; a instituição do prêmio Comunicador por excelência; o encaminhamento de uma indicação ao Governo do Estado que solicita que os profissionais da rádio Timbira tenham seus cargos com salários equivalentes aos pisos que estão sendo praticados; criação do Fórum Permanente de Comunicação e a realização de uma Audiência Pública em Imperatriz, no dia 17 de setembro, para discutir sobre os desafios dos profissionais de comunicação na região Tocantina.








COMENTE ESTA NOTÍCIA COM SEU PERFIL DO FACEBOOK OU SE PREFERIR, MAIS ABAIXO COM SEU PERFIL DO GOOGLE/BLOGGER - REGRAS: Não é permitido comentário sem identificação. Comentários feitos com conta Fake ou conta do Google do tipo Unknow (Desconhecido) não serão publicados. Todos os comentários são moderados previamente, por isso, não repita o mesmo comentário, pois ele só vai aparecer aqui após aprovação. Comentários com acusações e/ou palavras de baixo calão também serão imediatamente deletados e, se for o caso, o perfil pode até ser banido e não mais permitido que publique nenhum comentário. Também não é permitido comentário com nenhum tipo de publicidade.

0 comentários: