terça-feira, 26 de novembro de 2013

Professores do ensino médio vão receber R$ 200 por mês para estudar durante todo ano de 2014

O Ministério da Educação (MEC) lançou nesta segunda-feira (25) o programa Pacto pelo Fortalecimento do Ensino Médio, em que uma das principais ações do programa é fornecer bolsas em dinheiro para professores do ensino médio da rede pública se qualificarem em cursos oferecidos pelo próprio MEC e ministrados presencialmente por instituições de ensino superior.

Compartilhe no Facebook


O programa prevê a criação de uma rede de formação em todos os estados. Os requisitos para os professores participarem do programa incluem a atuação como docente em sala de aula ou coordenador pedagógico no ensino médio em escola da rede estadual, e a condição de professor efetivo
para o ano letivo de 2014. Além disso, eles precisam constar no Censo Escolar de 2013 na mesma rede em que estarão vinculados em 2014.

O curso para os professores terá duração de 200 horas anuais e usará material didático oferecido de forma digital pelo próprio MEC. Os professores que aderirem ao programa receberão R$ 200 por mês, a partir de fevereiro, até dezembro do ano que vem. O Brasil tem quase 500 mil professores em mais de 20 mil escolas públicas de Ensino Médio.

CADASTRE SEU E-MAIL PARA RECEBER AVISOS DE NOVAS POSTAGENS
Preencha seu e-mail abaixo, em seguida acesse seu e-mail e procure na sua caixa de entrada ou lixo/spam uma mensagem com o assunto Activate your Email Subscription to: Nova postagem no Castro Digital, abra e clique no link de confirmação.



COMENTE ESTA NOTÍCIA COM SEU PERFIL DO FACEBOOK OU SE PREFERIR, MAIS ABAIXO COM SEU PERFIL DO GOOGLE/BLOGGER - REGRAS: Os comentários devem ser relacionados com o assunto da matéria. Não é permitido comentário sem identificação. Comentários feitos com conta Fake ou conta do Google do tipo Unknow (Desconhecido) não serão publicados. Todos os comentários são moderados previamente, por isso, não repita o mesmo comentário, pois ele só vai aparecer aqui após aprovação. Comentários com acusações e/ou palavras de baixo calão também serão imediatamente deletados e, se for o caso, o perfil pode até ser banido e não mais permitido que publique nenhum comentário. Também não é permitido comentário com nenhum tipo de publicidade.

0 comentários: