sábado, 21 de janeiro de 2012

Por que a edição do ENEM em abril de 2012 foi cancelada?

A edição do ENEM que seria realizada em abril de 2012 foi cancelada, deixando assim, milhões de estudantes frustrados com essa decisão. Estudantes estes que esperavam que essa edição acontecesse, mas agora terão que se contentar com uma única edição que será realizada nos dias 3 e 4 de novembro.

Mas por que o ENEM em abril de 2012 foi cancelado. Veja abaixo uma série de fatores e acontecimentos que culminaram com o cancelamento:

18/05/2011 - Portaria do Inep (publicada no 'Diário Oficial da União' de 20 de maio) resolve que, a partir de 2012, o Enem será realizado duas vezes ao ano, e que a primeira edição aconteceria nos dias 28 e 29 de abril de 2012.

22 e 23/10/2011 - Edição de 2011 do Enem é aplicada para mais de 4 milhões de candidatos.

20/12/2011 - MEC divulga as notas do Enem 2011.

17/01/2012 - Depois que ações judiciais intimaram o MEC a dar vistas da redação do Enem 2011 a pelo menos 122 estudantes, e a revisar a redação de 79 deles, a Justiça Federal do Ceará concede liminar requerida pelo Ministério Público Federal para dar a todos os mais de 4 milhões de brasileiros que fizeram a prova o direito de ver sua redação e o espelho da correção.

19/01/2012 - MEC recorre da decisão judicial junto ao Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF-5), em Pernambuco, e afirma que uma decisão da 22ª Vara Federal do Rio de Janeiro indeferiu pedido de liminar de vistas à prova. No mesmo dia, o ministro Fernando Haddad afirma que uma empresa de gestão de risco avaliava se a pasta teria condições de atender ao pedido judicial e ainda assim realizar duas edições do Enem em 2012.

20/01/2012 - Em reunião, o secretário-executivo do MEC, Jose Henrique Paim Fernandes, a direção do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) e representantes da empresa Modulo Security decidem cancelar a edição de abril do Enem 2012.

Claro que todos esses fatores levaram ao cancelamento do ENEM, mas existem dois motivos principais.

O primeiro deles é a falta de planejamento do MEC para que todas as realizações das provas pudessem ocorrer de forma adequada.

E o principal motivo: falta de respeito para com os estudantes brasileiros. No Brasil é sempre assim, o Governo não faz as coisas direitas e, essa falta de respeito acaba prejudicando milhões de estudantes que esperavam fazer a prova do ENEM neste mês de abril de 2012. Agora terão que se contentar com uma única edição.

Só no Brasil acontecem coisas assim!
COMENTE ESTA NOTÍCIA COM SEU PERFIL DO FACEBOOK OU SE PREFERIR, MAIS ABAIXO COM SEU PERFIL DO GOOGLE/BLOGGER - REGRAS: Não é permitido comentário sem identificação. Comentários feitos com conta Fake ou conta do Google do tipo Unknow (Desconhecido) não serão publicados. Todos os comentários são moderados previamente, por isso, não repita o mesmo comentário, pois ele só vai aparecer aqui após aprovação. Comentários com acusações e/ou palavras de baixo calão também serão imediatamente deletados e, se for o caso, o perfil pode até ser banido e não mais permitido que publique nenhum comentário. Também não é permitido comentário com nenhum tipo de publicidade.

5 comentários:

  1. nao entendi pq a afetação]
    o mesmo governo que criou o enem agora e criticado.
    sempre foi uma vez por ano, entao ninguem perdeu nada.

    ResponderExcluir
  2. Olá eu gostaria de saber se vocês do site sabem de algum curso de supletivo do fundamental e medio a distancia em São Luis ou em bacabal,coroatá e adjacencias.por favor é urgente


    atenciosamente

    ResponderExcluir
  3. @Luiza Machado, não existe nenhum curso de supletivo a distancia com sede nestas cidades.
    Nestas cidades só existem os cursos presenciais de Educação de Jovens e Adultos (EJA)

    Mas se quer mesmo estudar supletivo a distancia, existem o Instituto Universal Brasileiro, Instituto Monitor e Instituto Padre Réus, estas empresas são referência nacional em educação a distãncia.

    ResponderExcluir
  4. Seria muito bom que em 2013 seja colocado em pratica a imposição da portaria do INEP, sobre 2 vezes ao ano. Muitas faculdades estão adotando o ENEM e nem se quer fazem mais o vestibular. Esperar o ano inteiro e por ventura perder a prova ou tirar nota baixa, invalida, e se perde o ano todo, afim de esperar somente o próximo.

    Muita falta de respeito para com os estudantes, muitos jovens esperavam por essa oportunidade.
    Lastimável...

    ResponderExcluir
  5. olha a minha opinião acho que esta prova do Enem prejudica muitos estudantes que precisa estudar mais , olha meu caso estudei em escolas particulares e não tenho nota do Enem e por isso não poso concorrer uma bolsa na faculdade? acho que o Enem não ajuda os estudantes eles atrapalham, se conseguimos chegar onde chegamos com a ajuda dos profissionais escolares não temo o porque pagar para fazer outra provas depois de tantas que já fazemos no dia a dia nas escolas!!

    ResponderExcluir