sábado, 23 de agosto de 2014

Guerreiro Júnior, um desembargador do povo ou dos políticos?

O desembargador Antonio Pacheco Guerreiro Júnior, membro do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJ-MA), teve seu nome ligado à campanha eleitoral das Eleições 2014. Candidatos e partidários em campanha posaram para fotos empunhado plaquinha com a imagem e o nome do magistrado: "Guerreiro, o des. do povo". A ideia foi um "tiro no pé".

Compartilhe no Facebook


Poderia ser um fato normal, mas Guerreiro atualmente ocupa o cargo de vice-presidente e corregedor do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE-MA). Diante disso, pergunta-se: onde está a isonomia da corte eleitoral do Maranhão?
Paulinha Lobão "Algo Mais". Foto: Jeremias Fotógrafo.

As fotos foram clicadas na quarta-feira (20 de agosto) num evento da coligação de Lobão Filho (PMDB), candidato a governador do Maranhão, realizado em Bacabal. O desembargador não compareceu, no entanto a plaquinha foi distribuída para as pessoas tirarem fotos. Foram clicados com a plaquinha do desembargador, Paulinha Lobão, esposa do candidato e apresentadora do programa Algo Mais, Rigo Teles, Alberto Filho e Roberto Costa, candidatos a deputado.

Por isso a pergunta do título dessa matéria: Guerreiro é desembargador do povo ou dos políticos?
Alberto Filho, candidato. Foto: Jeremias Fotógrafo.

Imediatamente após as fotos serem publicadas nos mais diversos meios de comunicação, Guerreiro emitiu uma nota de repúdio. Na nota, que pode ser lida na íntegra mais abaixo, o desembargador diz que "o episódio noticiado nas redes sociais trata de uma armação primária daqueles que tentam impedi-lo de agir com rigor ao conduzir o processo eleitoral 2014". Opa, espera! Daqueles quem? A nota gerou ainda mais dúvidas: a armação foi dos políticos que posaram com a plaquinha ou de algum assessor com ideia de jerico? Ou de quem?

O magistrado também não deixou claro se vai tomar alguma medida no sentido de punir os eventuais culpados pelo marketing negativo. Em tempos atuais em que a corrupção e roubalheira no mundo político é cada vez mais crescente, a Justiça Eleitoral e demais órgãos fiscalizadores deveriam se manter isentos e sem ligações a políticos. Caso contrário, para a população, vai prevalecer a constatação popular de que a justiça sempre beneficia quem tem dinheiro e persegue os pobres.

NOTA DE REPÚDIO DO DESEMBARGADOR GUERREIRO JÚNIOR AO USO DE PLACAS COM SEU NOME POR CANDIDATOS ÀS ELEIÇÕES 2014


Considerando as notícias veiculadas através de redes sociais, onde meu nome estaria associado à candidatura de alguns políticos, presto os seguintes esclarecimentos.

Nunca autorizei que minha imagem fosse atrelada a esse ou àquele grupo político, eis que o episódio noticiado nas redes sociais trata de uma armação primária daqueles que, em razão do posicionamento firme que venho tomando na Corte Eleitoral – ocasionando descontentamento de alguns –, pretendem com essa prática ardilosa inibir-me na condução rigorosa do processo eleitoral de 2014.

Contudo, não me curvarei, pois o meu compromisso é com a sociedade brasileira na garantia da lisura e transparência do processo eleitoral deste ano, imprimindo sempre uma atuação isenta.

Aproveito para reafirmar o propósito de continuar seguindo os ideários institucionais traçados pela Constituição, até porque predominará nesta Corte a tese de uma eleição limpa, sem práticas e procedimentos promíscuos.

São Luís, 22 de agosto de 2014.
Desembargador Antonio Guerreiro Júnior
Corregedor e Vice-Presidente do Tribunal Regional Eleitoral.


Rigo Teles, candidato. Foto: Jeremias Fotógrafo.

Roberto Costa, candidato. Foto: Jeremias Fotógrafo.

Fique por dentro das notícias e novidades de Bacabal - MA, curta a página de fãs da cidade no Facebook ->

E participe também do grupo da cidade de Bacabal - MA no Facebook acessando
o link -> Facebook.com/groups/Bacabal - MA


COMENTE ESTA NOTÍCIA COM SEU PERFIL DO FACEBOOK OU SE PREFERIR, MAIS ABAIXO COM SEU PERFIL DO GOOGLE/BLOGGER - REGRAS: Não é permitido comentário sem identificação. Comentários feitos com conta Fake ou conta do Google do tipo Unknow (Desconhecido) não serão publicados. Todos os comentários são moderados previamente, por isso, não repita o mesmo comentário, pois ele só vai aparecer aqui após aprovação. Comentários com acusações e/ou palavras de baixo calão também serão imediatamente deletados e, se for o caso, o perfil pode até ser banido e não mais permitido que publique nenhum comentário. Também não é permitido comentário com nenhum tipo de publicidade.

0 comentários: