quinta-feira, 13 de junho de 2013

Alunos de escola quilombola desocupam URE de Codó após protesto por alimentação

Alunos do Centro Quilombola de Formação por Alternância Ana Moreira, desocuparam na tarde desta quinta-feira (13), o prédio da Unidade Regional de Educação (URE) de Codó - MA. O objetivo da ocupação pacífica foi reivindicar alimentação para cerca de 80 estudantes que cursam o ensino médio na escola, que fica localizada no povoado Santo Antonio dos Pretos. Após dois dias de ocupação, o prédio foi liberado porque os alunos conseguiram seus objetivos.

Compartilhe no Facebook


A escola adota a metodologia da Pedagogia da Alternãncia, em que os alunos ficam duas semanas internados na escola e outras duas semanas na comunidade em que moram. Durante o período em que ficam na escola, eles precisam de cinco refeições por dia (café da manhã, lanche, almoço, lanche da tarde e janta).

O Governo do Maranhão é o responsável pela manutenção da escola e deveria suprir toda essa necessidade de alimentos, mas não é o que vem acontecendo. Por isso, cerca de 30 estudantes decidiram fazer essa ocupação pacífica na URE de Codó em busca de alimentos para que possam permanecer na escola.

Após uma reunião nesta quinta-feira, os alunos conseguiram os alimentos e voltaram para escola, com o caminhão cheio de alimentos na frente, e o ônibus escolar atrás. Foi assinado um acordo entre os alunos e a gestora da URE de Codó, Raimunda Sousa da Silva (Rosa), se comprometendo a não mais deixar faltar os alimentos na escola e os alunos, caso a situação aconteça novamente, voltarão a ocupar a URE.






COMENTE ESTA NOTÍCIA COM SEU PERFIL DO FACEBOOK OU SE PREFERIR, MAIS ABAIXO COM SEU PERFIL DO GOOGLE/BLOGGER - REGRAS: Não é permitido comentário sem identificação. Comentários feitos com conta Fake ou conta do Google do tipo Unknow (Desconhecido) não serão publicados. Todos os comentários são moderados previamente, por isso, não repita o mesmo comentário, pois ele só vai aparecer aqui após aprovação. Comentários com acusações e/ou palavras de baixo calão também serão imediatamente deletados e, se for o caso, o perfil pode até ser banido e não mais permitido que publique nenhum comentário. Também não é permitido comentário com nenhum tipo de publicidade.

0 comentários: