quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Invadir computadores agora é crime estabelecido no Código Penal do Brasil

A Câmara dos Deputados aprovou neste quarta-feira (7) dois projetos de lei que tipificam os crimes cometidos por meios eletrônicos e pela internet, os chamados crimes cibernéticos, e que alteram o Código Penal. Os textos aprovados seguem para sanção da presidenta Dilma Rousseff.

De autoria do deputado Paulo Teixeira (PT-SP), o Projeto 2.793/2011 trata de temas como a invasão de computadores, o roubo de senhas e de conteúdos de e-mails, a derrubada proposital de sites, entre outros.

As penas variam de três meses a dois anos de prisão, a depender da gravidade do caso. Os condenados podem ter a pena aumentada em caso de agravantes, como obter benefícios financeiros ou invadir dados de autoridades como o presidente da República ou de um dos Poderes da República.

Já o Projeto de Lei 84/1999, relatado na Câmara pelo deputado federal Eduardo Azeredo (PSDB-MG), tipifica, por exemplo, o uso de dados de cartões de crédito ou débito obtidos indevidamente ou sem autorização do titular. A proposta equipara a prática ao crime de falsificação de documento particular, com penalidade de um a cinco anos de reclusão e pagamento de multa.

“Um complementa o outro e a ideia é que a presidente sancione. Tivemos uma discussão que foi vencida de que não precisávamos fazer nada. Precisamos sim e o vírus é o caso mais típico de que não existe no Código Penal”, disse Azeredo.

“A minha luta era para termos uma legislação. Agora, falta fazer muita coisa. Junto com a legislação, temos que ter a educação, ferramentas tecnológicas cada vez melhores para se proteger. Isso não é fácil. Outro dia me roubaram milhas de companhias aéreas”, contou Azeredo.
________________________
Com informações da Agência Brasil.
COMENTE ESTA NOTÍCIA COM SEU PERFIL DO FACEBOOK OU SE PREFERIR, MAIS ABAIXO COM SEU PERFIL DO GOOGLE/BLOGGER - REGRAS: Não é permitido comentário sem identificação. Comentários feitos com conta Fake ou conta do Google do tipo Unknow (Desconhecido) não serão publicados. Todos os comentários são moderados previamente, por isso, não repita o mesmo comentário, pois ele só vai aparecer aqui após aprovação. Comentários com acusações e/ou palavras de baixo calão também serão imediatamente deletados e, se for o caso, o perfil pode até ser banido e não mais permitido que publique nenhum comentário. Também não é permitido comentário com nenhum tipo de publicidade.

2 comentários:

  1. Sera considerado crime nessa nova lei, se houve uma violação dos sistemas de segurança dos sistemas de informatica sendo eles telefones,tabletes... Se uma pessoa estever usando um notbook por ex: sai e deixa ele ligado com informaçoes pessoais e outra pessoa vinher mexe sem outorização não sera crime por que não foi violado as senhas para ter acessor. Ou mexer no celular seguindo o mesmo raciocinio tambem não e crime por não violar senhas. ha isso so e crime se o aparelho estiver ligado na rede mundial de computadores. Pra mim essas leis tem que ser revistas, por usa o codigo penal antigo, sem um codigo penal proprio ou seja especifico para crimes cyberneticos.

    ResponderExcluir
  2. Estou decepcionada porque um tal de esta bloqueando meu acesso em varios programas da intrnet,como hotmail e menseger...tambem nao estou conseguindo redefinir minha senha.Socorro!!!!

    ResponderExcluir