quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Morre pistoleiro suspeito de matar ciganos em Bacabal

O pistoleiro suspeito de matar uma família de ciganos em Bacabal, Maicon Apolinário, morreu na madrugada desta quarta-feira (24), no Hospital Geral de Peritoró. Ele foi atingido por pelo menos dois tiros, uma das balas ficou alojada na coluna vertebral.

Não se sabe se, quem atirou nele foi a família dos ciganos mortos, ou se foram os mandantes do crime, como uma queima de arquivo. Ele foi preso no hospital, minutos depois do crime, na noite de sábado (20).

Maicon, que é de Fortaleza - CE, caiu de moto e recebeu ajuda de populares que o levaram ao hospital. Chegando lá, a polícia encontrou com ele um revólver calibre 38 e uma pistola 380, esta com um pente vazio e outro pela metade.

A chacina que matou três ciganos da mesma família em Bacabal, com características de encomenda, está sendo investigada desde a noite de sábado, mas ainda não há pistas precisas sobre a motivação e dos mandantes do triplo homicídio. De acordo com as informações da polícia, Romão Batista, um das vítimas da chacina, é suspeito de ter cometido vários assassinatos.

Clique aqui para ver a matéria com todos os detalhes sobre essa chacina da família de ciganos em Bacabal que terminou com 3 pessoas mortas

COMENTE ESTA NOTÍCIA COM SEU PERFIL DO FACEBOOK OU SE PREFERIR, MAIS ABAIXO COM SEU PERFIL DO GOOGLE/BLOGGER - REGRAS: Não é permitido comentário sem identificação. Comentários feitos com conta Fake ou conta do Google do tipo Unknow (Desconhecido) não serão publicados. Todos os comentários são moderados previamente, por isso, não repita o mesmo comentário, pois ele só vai aparecer aqui após aprovação. Comentários com acusações e/ou palavras de baixo calão também serão imediatamente deletados e, se for o caso, o perfil pode até ser banido e não mais permitido que publique nenhum comentário. Também não é permitido comentário com nenhum tipo de publicidade.

0 comentários: