terça-feira, 18 de setembro de 2012

Microsoft confirma bug (falha) no navegador Internet Explorer

A Microsoft emitiu nesta segunda-feira (17) um alerta de segurança para ataques explorando um bug (falha) não corrigido no navegador Internet Explorer. A empresa afirma já estar trabalhando em uma correção para o problema.

O aviso faz referência a vulnerabilidade “zero-day” – o que significa que foi descoberta e explorada antes de um “patch” estar disponível – encontrada e divulgada pelo pesquisador Eric Romang durante o fim de semana.

Todas as versões do navegador são afetadasp pelo bug - Isso inclui o IE6 de 2001, IE7 de 2006, IE8 de 2009 e IE9 do ano passado - com exceção do IE10, que vem com o Windows 8. Juntos, estes browsers são responsáveis por 53% de todos navegadores em uso no mundo em Agosto.

Explorar a falha permite que hackers possam executar código – colocar malware em uma máquina – e abrir o Windows XP, Vista e Windows 7 para ataques “drive-by” que exigem apenas que as vítimas visitem um site malicioso ou comprometido.

Até que uma correção dessa falha esteja disponível, é recomendável usar outros navegadores como o Mozila Firefox ou Google Chrome.
COMENTE ESTA NOTÍCIA COM SEU PERFIL DO FACEBOOK OU SE PREFERIR, MAIS ABAIXO COM SEU PERFIL DO GOOGLE/BLOGGER - REGRAS: Não é permitido comentário sem identificação. Comentários feitos com conta Fake ou conta do Google do tipo Unknow (Desconhecido) não serão publicados. Todos os comentários são moderados previamente, por isso, não repita o mesmo comentário, pois ele só vai aparecer aqui após aprovação. Comentários com acusações e/ou palavras de baixo calão também serão imediatamente deletados e, se for o caso, o perfil pode até ser banido e não mais permitido que publique nenhum comentário. Também não é permitido comentário com nenhum tipo de publicidade.

0 comentários: