segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Acusado de assassinar motorista em Bacabal é solto pela justiça

Alexandro Santos dos Santos, vulgo Alex Magarefe, foi solto na noite deste domingo (16). Ele foi beneficiado por habeas corpus expedido pela desembargadora Nelma Sarney. Alex é acusado de assassinar, na tarde do dia 22 de agosto, o jovem Carlos Ronan, de 22 anos.

Ronan foi morto no momento em que trabalhava, ele dirigia um carro de som de campanha eleitoral. A câmera de um sistema de segurança de uma residência filmou o momento do crime, o vídeo pode ser visto mais abaixo.

O crime aconteceu na rua Arthur Azevedo, centro de Bacabal. Conforme imagens do vídeo, Alex chegou numa moto, esperou um outro veículo passar, depois atravessou a rua indo até o veículo que Ronan dirigia e sem conversa, deu dois tiros a queima roupa.

Após o período de 24 horas do crime, para fugir do flagrante, Alex se apresentou com advogado, alegou legitima defesa e saiu tranquilamente pela porta da frente.

No início desse mês de setembro, ao se apresentar no 1° Distrito Policial de Bacabal para um depoimento, ele foi surpreendido por um mandado de prisão preventiva expedido contra ele pelo o juiz Joscelmo Sousa Gomes da 3ª Vara. Ao ser preso, foi transferido para uma das selas da Unidade Prisional do Povoado Piratininga. Mas agora já está em liberdade novamente.

Veja o vídeo que mostra o momento exato do assassinato:



Na primeira imagem abaixo, de camisa listrada, Alex dos Santos. Na segunda foto, Carlos Ronan.




COMENTE ESTA NOTÍCIA COM SEU PERFIL DO FACEBOOK OU SE PREFERIR, MAIS ABAIXO COM SEU PERFIL DO GOOGLE/BLOGGER - REGRAS: Não é permitido comentário sem identificação. Comentários feitos com conta Fake ou conta do Google do tipo Unknow (Desconhecido) não serão publicados. Todos os comentários são moderados previamente, por isso, não repita o mesmo comentário, pois ele só vai aparecer aqui após aprovação. Comentários com acusações e/ou palavras de baixo calão também serão imediatamente deletados e, se for o caso, o perfil pode até ser banido e não mais permitido que publique nenhum comentário. Também não é permitido comentário com nenhum tipo de publicidade.

0 comentários: