quarta-feira, 23 de maio de 2012

Assassinato de Décio Sá completa um mês sem solução

O assassinato do blogueiro e jornalista Décio Sá, ocorrido dia 23 de abril, completa um mês hoje sem solução. A polícia não tem nenhuma pista do assassino e nem do mandante, considerando que as características são de crime por encomenda. Ou talvez até tenha mas não divulga, pois desde o dia 27 de abril, o secretário de segurança do Maranhão, Aluísio Mendes, decretou sigilo no caso, talvez para que a imprensa não mostre a incapacidade da polícia do Maranhão em descobrir os responsáveis pela morte de Décio.

O prazo do inquérito policial terminaria hoje, mas como não chegou a nenhum resultado satisfatório, foi prorrogado por mais um mês e continua em sigilo. Até agora a polícia não divulgou nenhum resultado concreto.

"Esse é um procedimento de praxe, o pedido de prorrogação de um inquérito, quando não está concluído em 30 dias, como é o do jornalista Décio Sá. Contudo, não daremos nenhuma informação já que as investigações seguem sob sigilo", disse Mendes.

Décio Sá foi morto em um bar, na Avenida Litorânea, em São Luís. Um homem que estaria seguindo o jornalista desde a sua saída da redação do jornal O Estado do Maranhão até a praia, entrou no bar e efetuou cinco disparos. O jornalista que tinha 42 anos morreu no local. Ele escrevia sobre política no jornal e no seu blog, um dos mais acessados do Maranhão. Sempre denunciava falcatruas e roubos de políticos e empresários, talvez esse o principal motivo de seu assassinato.
COMENTE ESTA NOTÍCIA COM SEU PERFIL DO FACEBOOK OU SE PREFERIR, MAIS ABAIXO COM SEU PERFIL DO GOOGLE/BLOGGER - REGRAS: Não é permitido comentário sem identificação. Comentários feitos com conta Fake ou conta do Google do tipo Unknow (Desconhecido) não serão publicados. Todos os comentários são moderados previamente, por isso, não repita o mesmo comentário, pois ele só vai aparecer aqui após aprovação. Comentários com acusações e/ou palavras de baixo calão também serão imediatamente deletados e, se for o caso, o perfil pode até ser banido e não mais permitido que publique nenhum comentário. Também não é permitido comentário com nenhum tipo de publicidade.

0 comentários: