domingo, 23 de outubro de 2011

Diferença entre países pobres e países ricos

Países pobres não são pobres por falta de recursos naturais ou porque as raças de seu povo são inferiores, ou, ainda, porque outros países os tenham colonizado. PAÍSES SÃO POBRES PORQUE FALTAM, A SUA GENTE, AS ATITUDES APROPRIADAS PARA VENCER OS DESAFIOS QUE DEVEM SER ENFRENTADOS PARA QUE O PAÍS SE TORNE RICO.

São pobres por falta de VONTADE em cumprir e ensinar os princípios básicos para o bom funcionamento da sociedade e para a formação de uma cidadania de boa qualidade. São DEZ esses princípios, que devem nortear cada cidadão:

1. A ÉTICA da nossa cultura judaico-cristã;
2. A URBANIDADE;
3. A RESPONSABILIDADE CIVIL;
4. O RESPEITO ÀS LEIS E ÀS NORMAS;
5. O RESPEITO AO DIREITO E À LIBERDADE PRÓPRIA E DAS DEMAIS PESSOAS;
6. A VONTADE DE CRESCER E DE TRABALHAR;
7. A DEDICAÇÃO À POUPANÇA E AO INVESTIMENTO;
8. O DESEJO DE SUPERAÇÃO DENTRO DA PROBIDADE E PELA EFICIÊNCIA;
9. A compreensão de que DIREITOS são gerados por DEVERES, e vice-versa;
10. A PONTUALIDADE e o RESPEITO AO COMPROMISSO.

PODEMOS, JUNTOS, MUDAR O NOSSO BRASIL!

Comece por você mesmo... Passe adiante este decálogo, em sua casa, em sua vizinhança, em seu bairro, em sua cidade, em seu estado, até que ele repercuta em toda a sua pátria.

Fazer o país ficar rico não é algo que se consiga por um passe de mágica. Depende da coragem maior de MUDAR AS PRÓPRIAS ATITUDES e levar à risca os PRINCÍPIOS acima perante a sociedade.

DEPENDE, BASICAMENTE, DE ENSINO E DE EDUCAÇÃO; MAS MAIS DESSA DO QUE DAQUELE.

Imprima isso e afixe em local visível de sua empresa ou local de trabalho.

O BRASIL PRECISA DE UMA CIDADANIA MELHOR!

PENSE NISSO!
________________
Referência: Francisco Viana, via Blog Lili Carabina.
COMENTE ESTA NOTÍCIA COM SEU PERFIL DO FACEBOOK OU SE PREFERIR, MAIS ABAIXO COM SEU PERFIL DO GOOGLE/BLOGGER - REGRAS: Não é permitido comentário sem identificação. Comentários feitos com conta Fake ou conta do Google do tipo Unknow (Desconhecido) não serão publicados. Todos os comentários são moderados previamente, por isso, não repita o mesmo comentário, pois ele só vai aparecer aqui após aprovação. Comentários com acusações e/ou palavras de baixo calão também serão imediatamente deletados e, se for o caso, o perfil pode até ser banido e não mais permitido que publique nenhum comentário. Também não é permitido comentário com nenhum tipo de publicidade.

Um comentário:

  1. O pior inimigo do povo brasileiro é a demagogia sem sentido, como é o caso da disseminação nas escolas e faculdades do preconceito ideológico que impede a implantação do Ensino Universitário Público Pago.

    A gratuidade indiscriminada favorece os que podem pagar, que utilizam boas escolas de base para que seus filhos estudem de graça nas universidades públicas, onde os professores ganham várias vezes mais que os do ensino fundamental e médio.

    Os pobres estudam em escolas de base públicas, em boa parte ruins, e trabalham para pagar o ensino superior em faculdade particular de segunda linha, limitando-os no mercado competitivo.

    Quem pode, que pague e contribua para que outro estude; quem não pode, que receba bolsa reembolsável e pague quando puder. Nos países que adotaram este modelo, as desigualdades sociais diminuiram muito, pelo simples fato de que os recursos para investimentos para a multiplicação das vagas é muito maior.

    Nos EUA, todo ano formam-se 18 milhões de alunos de curso superior, ante pouco mais de 1,5 milhão de alunos no Brasil. Isso porque temos de contar com as faculdades privadas que geram mais vagas que o Estado. Só que elas se proliferaram às custas de quem sofre muito para pagar. Até a China já adotou o modelo anglo-americano, em 1998.

    Porém, enquanto no Brasil tivermos ensino universitário público com a gratuidade indiscriminada, com várias universidades públicas inúteis e com despesas extraordinárias; corporativismo doentio; com baixos salários no ensino de base, sem valorizar o mérito de alunos e professores, seremos eternamente um País do Futuro.

    ResponderExcluir