quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Escola de Bacabal tem peças de computadores roubadas por quadrilha especializada

Uma escola da rede estadual de Bacabal teve as peças de parte de seus computadores roubadas por uma quadrilha especializada em roubos de computadores em laboratórios de informática de escolas.

Os ladrões se fazem passar por funcionários do PROINFO/MEC. O grupo age sem deixar suspeitas, pois apresentam documentação e dados dos pregões dos computadores adquiridos, do sistema operacional, das escolas, alegando que estão a serviço do MEC. Solicitam a entrada nos laboratórios para verificar a condição de uso das máquinas e do sistema elétrico e lógico. Ainda informam que as máquinas receberão placas de internet sem fio, sendo a rede trocada.

Foi dessa forma que, em plena luz do dia, semana passada, dois bandidos dessa quadrilha roubaram as peças dos computadores do laboratório de informática do Núcleo de Tecnologia Educacional de Bacabal. O orgão funciona no Centro de
Ensino Presidente José Sarney, popular Minhocão. O laboratório, que possui 10 computadores, teve as peças roubadas de sete deles. Os meliantes permaneceram cerca de três horas no laboratório.

Até o momento a polícia não tem pistas da quadrilha. Mas fica aqui o alerta para com essas pessoas que estão roubando os equipamentos de informática das escolas.


RECOMENDE ESTA NOTÍCIA PARA SEUS AMIGOS NO FACEBOOK
COMENTE ESTA NOTÍCIA COM SEU PERFIL DO FACEBOOK OU SE PREFERIR, MAIS ABAIXO COM SEU PERFIL DO GOOGLE/BLOGGER - REGRAS: Não é permitido comentário sem identificação. Comentários feitos com conta Fake ou conta do Google do tipo Unknow (Desconhecido) não serão publicados. Todos os comentários são moderados previamente, por isso, não repita o mesmo comentário, pois ele só vai aparecer aqui após aprovação. Comentários com acusações e/ou palavras de baixo calão também serão imediatamente deletados e, se for o caso, o perfil pode até ser banido e não mais permitido que publique nenhum comentário. Também não é permitido comentário com nenhum tipo de publicidade.

0 comentários: