quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Golpe da conta de energia paga - Nota da CEMAR

A Companhia Energética do Maranhão (CEMAR) vem a público denunciar que pessoas que não são funcionários da Companhia, estão praticando o golpe da conta paga em Santa Inês e outras cidades da região. Trata-se de pessoas que se apresentam como se fossem funcionários da CEMAR, para oferecer suposta isenção do pagamento da conta de energia para pessoas idosas e, em contrapartida, cobram o pagamento em dinheiro de uma taxa.

A Companhia esclarece que nenhum funcionário da CEMAR está autorizado a receber dinheiro de clientes no momento da realização de serviços. Os pagamentos para a CEMAR deverão ser realizados na rede credenciada, ou seja, Bancos, Lotéricas, Correios e Correspondentes Bancários.



A CEMAR orienta aos seus clientes que, ao receberem uma equipe para a realização de qualquer serviço, peçam às pessoas dessa equipe para que se identifiquem com crachá e documentos pessoais e para que mostrem a documentação referente ao serviço a ser executado.

A Companhia ainda alerta a população para que não aceite abordagem diferente desta orientação por pessoas que se dizem empregados da CEMAR. Abordagens suspeitas deverão ser denunciadas na delegacia de polícia de sua cidade.
________________
Referência: Assessoria de Imprensa da CEMAR.


RECOMENDE ESTA NOTÍCIA PARA SEUS AMIGOS NO FACEBOOK

COMENTE ESTA NOTÍCIA COM SEU PERFIL DO FACEBOOK OU SE PREFERIR, MAIS ABAIXO COM SEU PERFIL DO GOOGLE/BLOGGER - REGRAS: Não é permitido comentário sem identificação. Comentários feitos com conta Fake ou conta do Google do tipo Unknow (Desconhecido) não serão publicados. Todos os comentários são moderados previamente, por isso, não repita o mesmo comentário, pois ele só vai aparecer aqui após aprovação. Comentários com acusações e/ou palavras de baixo calão também serão imediatamente deletados e, se for o caso, o perfil pode até ser banido e não mais permitido que publique nenhum comentário. Também não é permitido comentário com nenhum tipo de publicidade.

0 comentários: