sábado, 12 de março de 2011

Enchentes no Maranhão atingem mais de 11 mil pessoas

O relatório da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil do Maranhão (Cedecma), publicado nessa sexta-feira (11), sobre as enchentes no Maranhão, aponta que 11.750 pessoas já foram atingidas pelas cheias dos rios Mearim, Itapecuru, Tocantins e Parnaíba.

Do total de atingidos, 7.566 estão desabrigadas e 4.184 desalojadas. Nove representantes do Cedecma permanecem nas cidades de Bacabal, Pedreiras e Trizidela do Vale. Seis municípios continuam sendo monitorados. A cidade de Trizidela do Vale é a mais danificada pelas enchentes, onde 3.564 pessoas ficaram desabrigadas.

VEJA OS NÚMEROS DAS ENCHENTES NO MARANHÃO
De acordo com relatório do Cedecma de 11 de março de 2011

BACABAL
Situação de Emergência
Desalojados: 45
Desabrigados: 1765
Mortos: 0
Desaparecidos: 0
Nível do rio Mearim acima do normal: 5,26 metros e subindo



IGARAPÉ GRANDE
Situação de Emergência
Desalojados: 250
Desabrigados: 452
Mortos: 0
Desaparecidos: 0
Nível do rio Mearim acima do normal: indefinido, mas subindo

IMPERATRIZ
Situação Anormal sem decretação
Desalojados: 476
Desabrigados: 535
Mortos: 0
Desaparecidos: 0
Nível do rio Tocantins acima do normal: 5 metros e baixando

PEDREIRAS
Situação Anormal sem decretação
Desalojados: 48
Desabrigados: 898
Mortos: 0
Desaparecidos: 0
Nível do rio Mearim acima do normal: 6,4 metros e baixando

SÃO LUÍS GONZAGA DO MA
Situação de Emergência
Desalojados: 602
Desabrigados: 352
Mortos: 0
Desaparecidos: 0
Nível do rio Mearim acima do normal: 6,3 metros e estável

TRIZIDELA DO VALE
Situação de Emergência
Desalojados: 2763
Desabrigados: 3564
Mortos: 0
Desaparecidos: 0
Nível do rio Mearim acima do normal: 6,25 metros e baixando

A presidente Dilma Rousseff determinou, nesta semana, que o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, visite as regiões afetadas pelas chuvas nos Estados do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Maranhão. A finalidade das visitas é fazer um levantamento dos prejuízos e determinar medidas necessárias de auxílio às cidades atingidas. Nessa sexta-feira (11), o ministro deu início às viagens na região Centro-Oeste do país. Para os Estados do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, o ministério anunciou, ontem, a liberação de R$10 milhões. Não há, ainda, previsão de data para a visita do ministro ao Maranhão.


RECOMENDE ESTA NOTÍCIA PARA SEUS AMIGOS NO FACEBOOK

CADASTRE SEU E-MAIL E RECEBA AS ATUALIZAÇÕES DO SITE
COMENTE ESTA NOTÍCIA COM SEU PERFIL DO FACEBOOK OU SE PREFERIR, MAIS ABAIXO COM SEU PERFIL DO GOOGLE/BLOGGER - REGRAS: Não é permitido comentário sem identificação. Comentários feitos com conta Fake ou conta do Google do tipo Unknow (Desconhecido) não serão publicados. Todos os comentários são moderados previamente, por isso, não repita o mesmo comentário, pois ele só vai aparecer aqui após aprovação. Comentários com acusações e/ou palavras de baixo calão também serão imediatamente deletados e, se for o caso, o perfil pode até ser banido e não mais permitido que publique nenhum comentário. Também não é permitido comentário com nenhum tipo de publicidade.

0 comentários: